Blog

Fique por dentro de todas as novidades.

A influência do resíduo de moagem nas propriedades dos produtos cerâmicos

Todos / 08.08.2018
No último dia 27 de julho realizou-se um seminário na T-cota, onde a técnica Any Fernanda Booz abordou o tema: A influência do resíduo de moagem nas propriedades dos produtos cerâmicos. Com o objetivo de ilustrar a abordagem, foi compartilhado com a equipe, um estudo de caso realizado com uma massa de porcelanato obtida por moagem via seca, com diferentes valores de resíduo de moagem, a fim de avaliar a influência dessa variação nas propriedades medidas dos produtos. Pode-se concluir com esse estudo que quanto maior for o valor do resíduo de moagem, maior a compactação da massa, porém menor a sua resistência mecânica à flexão a seco, uma vez que as partículas mais grosseiras fragilizam o produto. O maior resíduo de moagem também ocasiona maior refratariedade ao produto, ou seja, maior absorção de água, menor estabilidade térmica com a variação de temperatura e pigmentação na superfície do produto. O maior resíduo de moagem acentua significativamente a deformação piroplástica dos produtos, propriedade esta que atormenta muitas empresas produtoras de porcelanato. Com o estudo realizado notou-se que, além da composição da massa, o resíduo de moagem impacta diretamente em propriedades que são determinantes para a classificação e qualidade dos produtos cerâmicos, pois quanto mais eficaz for a etapa de moagem, melhor será o comportamento do produto pré-queima e, sobretudo, seu comportamento durante a sinterização, gerando um produto acabado de maior qualidade.
SABER MAIS

Esta empresa
tem o apoio da

Top